PIOMETRA CANINA - Protocolo de Conduta Clínica


Informações Gerais


Tipo de Conteúdo: Protocolo - Conduta Clínica


Categoria: Reprodução animal


Emergencial: Sim


Espécies: Caninos










Introdução à Doença / Importância: 



O Complexo hiperplasia endometrial cística-Piometra é uma doença aguda ou crônica, que afeta cadelas no diestro (metaestro), período em que os ovários secretam progesterona, com acúmulo de secreção purulenta/hemorrágica no útero. É mais frequente em cadelas idosas, mas pode ocorrer em cadelas jovens. 





A principal bactéria envolvida é a E. coli. Dentre os fatores predisponentes têm-se os ciclos estrais sucessivos em cadelas idosas (repetidos estímulos uterinos pela progesterona), uso de anticoncepcionais (progestágenos, estrógenos), cistos foliculares e tumores ovarianos. Os principais sintomas são secreção vaginal purulenta (piometra aberta) ou não (piometra fechada), febre, inapetência, apatia, vômitos, diarréia, anorexia, desidratação, poliúria/polidipsia, podendo evoluir para choque e óbito.





O Complexo hiperplasia endometrial cística-Piometra é uma doença aguda ou crônica, que afeta cadelas no diestro (metaestro), período em que os ovários secretam progesterona, com acúmulo de secreção purulenta/hemorrágica no útero. É mais frequente em cadelas idosas, mas pode ocorrer em cadelas jovens. A principal bactéria envolvida é a E. coli. 






Dentre os fatores predisponentes têm-se os ciclos estrais sucessivos em cadelas idosas (repetidos estímulos uterinos pela progesterona), uso de anticoncepcionais (progestágenos, estrógenos), cistos foliculares e tumores ovarianos. Os principais sintomas são secreção vaginal purulenta (piometra aberta) ou não (piometra fechada), febre, inapetência, apatia, vômitos, diarréia, anorexia, desidratação, poliúria/polidipsia, podendo evoluir para choque e óbito.








Diagnóstico Clínico: 



Histórico de cio (estro) nos últimos 60 dias associado aos sintomas.








Diagnóstico por Exames: 



A ultrassonografia abdominal é o exame complementar de escolha. Verifica-se conteúdo anecóico/hipoecóico no lúmen uterino, hiperplasia endometrial cística e espessamento de parede uterina. No hemograma pode haver leucocitose e anemia normocítica-normocrômica. Aumento de ureia e creatinina, hipoalbuminemia, hipergamaglobulinemia, baixa densidade urinária, proteinúria e acidose metabólica podem ser observados.








Tratamento Terapêutico: 



Está indicado em duas situações:








1) Cadela sem condição anestésica/cirúrgica ao diagnóstico (desidratação severa, choque séptico, cardiopatia ou idade avançada):








- aglepristone: 10 mg/kg ou 0,33 mL/kg/SC/dia, 2 aplicações em dias consecutivos (abertura da cérvix e drenagem uterina 12-36h após aplicação).








- fluidoterapia (conforme função renal/desidratação) e antibioticoterapia de largo espectro (amoxicilina-ácido clavulânico 12,5-25 mg/kg/dia/SC,IM,IV ou cefazolina 22 mg/kg/cada 8h/IV ou IM ou enrofloxacina 5-10 mg/kg/dia/oral ou IV).








- Assim que o animal estabilizar, realizar OSH.








2) Cadela com finalidade reprodutiva (menos de 6 anos de idade, clinicamente e metabolicamente estável/sem toxemia, sem cisto ou tumor ovariano):








- aglepristone: 10 mg/kg ou 0,33 mL/kg/SC, dias 01, 02, 08 e 15 (se necessário dias 22 e 28) ou até ausência total de conteúdo uterino na ultrassonografia.








- PGF2α: aplicar após a abertura da cérvix (geralmente dias 2 ou 3) - cloprostenol (1 µg/kg/SC) ou dinoprost (100-250 µg/kg/SC). Aplicar 1-2 vezes/dia, por 5-7 dias, preferencialmente em jejum. Como efeitos colaterais pode-se observar vômito, sialorréia, dispnéia, taquicardia, hipotermia (até -2,0 °C) e diarréia na primeira hora após aplicação. Não usar em nefropatas, cardiopatas, hepatopatas ou cadelas braquicefálicas.








- antibioticoterapia de largo espectro por 15-30 dias, ou até cessar a drenagem da secreção vaginal. Iniciar com antibiótico de largo espectro (ver acima) e trocar após cultivo e antibiograma, se necessário.








- sulfato de atropina (0,025-0,044 mg/kg/SC), 15 minutos antes da PGF2α, para minimizar efeitos colaterais (opcional).








- avaliação clínica diária e ultrassonográfica duas vezes por semana. Monitorar as aplicações de PGF2α na clínica.








- no próximo proestro e estro realizar antibioticoterapia de largo espectro e acasalar a cadela.








- após o (s) novo(s) acasalamento (s) desejado (s), realizar OSH para evitar recidiva.








- caso a melhora não seja progressiva, realizar OSH.











Tratamento Cirúrgico: 



A OSH é o tratamento de escolha para piometra, associada à antibioticoterapia e fluidoterapia, conforme função renal/desidratação.








Complicações: 








É importante ser criterioso na seleção do animal a ser tratado clinicamente, já que relatos de ruptura uterina e peritonite foram descritos em cadelas com útero repleto de pus e parede delgada.








O prognóstico clínico é muito bom. O prognóstico reprodutivo (fertilidade) é melhor quanto mais nova for a cadela, e quanto menor o grau de hiperplasia endometrial cística. Em torno de 50-80% das cadelas ficam gestantes e parem após o tratamento clínico.








Pode ocorrer recidiva em aproximadamente 50% dos animais tratados.








Referências: 



FIENI, F. Medical treatment of uterine disease in dogs. 16th EVSSAR Congress, Toulouse, France, p. 72-77, 2013.








FONTBONNE, A., LEVY, X., FONTAINE, E., GILSON, C. Guide pratique de reproduction clinique canine et feline. 1.ed. Med’Com:Paris, 272p., 2007.








ROS, L., HOLST, B.S., HAGMAN, R. A retrospective study of bitches with pyometra, medically treated with aglepristone. Theriogenology, 2014 Aug. pii: S0093-691X(14)00458-0. doi: Disponível em: 10.1016/j.theriogenology.2014.08.011. [Epub ahead of print], 2014.


Nome

Anatomia,11,Anestesiologia,3,Animais Silvestres,4,Apicultura,1,Apostilas,50,Artigos,3,Atlas,6,Aves,4,Bem estar Animal,4,Bioquímica,4,Bovinos,10,Brasil,2,Bubalinos,3,Cães,11,Cartão de vacinação,6,Cirurgia,9,Clínica,19,Compêndio,1,Concursos,1,Curiosidades,1,Dermatologia,3,Destaque,7,Diagnóstico por Imagem,1,Dicas,6,Dicionário,1,Direto ao Ponto,1,Diversos,1,Doenças,2,eBooks,42,Equinos,6,farmacologia,3,Felinos,4,Fisiologia,1,Gatos,8,Grandes Animais,1,Guias,1,Infecciosas,1,IPOA,1,Leite,3,Mato Grosso do Sul,1,Melhoramento Genético,2,Microbiologia,1,Notícias,5,Nutrição Animal,6,Nutrologia,1,Nymeria Tv,9,Oftalmologia,1,Ovinos e Caprinos,1,Parasitologia,7,Patologia Clínica,4,Patologia Veterinária,4,Protocolo de Conduta,6,Radiologia,1,Reprodução,8,Revisão Bibliográfica,10,Ruminantes,2,Saúde Publica,2,Semiologia,4,Suinocultura,4,Suínos,3,Terapêutica,2,TPOA,1,Veterinária,14,VIDEOAULAS,1,Vídeos,11,Virologia,1,Zoonoses,3,Zootecnia,5,
ltr
item
Ctrl Vet: PIOMETRA CANINA - Protocolo de Conduta Clínica
PIOMETRA CANINA - Protocolo de Conduta Clínica
https://1.bp.blogspot.com/-c2ZjuZNv2Gg/XbH39yb9nTI/AAAAAAAAa6U/3b-s4bKvqlIow0HUQyDAfLNORpmMXBGmgCLcBGAsYHQ/s1600/piometra.gif
https://1.bp.blogspot.com/-c2ZjuZNv2Gg/XbH39yb9nTI/AAAAAAAAa6U/3b-s4bKvqlIow0HUQyDAfLNORpmMXBGmgCLcBGAsYHQ/s72-c/piometra.gif
Ctrl Vet
https://www.ctrlvet.com/2019/10/piometra-canina-protocolo-de-conduta.html
https://www.ctrlvet.com/
https://www.ctrlvet.com/
https://www.ctrlvet.com/2019/10/piometra-canina-protocolo-de-conduta.html
true
3004079146768193282
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VIEW ALL Ver mais Reply Cancel reply Delete Por Home PAGES POSTS View All RECOMMENDED FOR YOU LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Voltar para Página Inicial Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy Table of Content